Para quem me conhece ou acompanha este blog desde o início não é novidade a minha pancada pelos Beatles e, particularmente, por John Lennon.

Nunca me tinha ocorrido o quão humanista (e realista) esta letra é. Sempre tive uma interpretação demasiado baseada no refrão mas, agora que a analiso mais em pormenor, acho que é um excelente exemplo de pragmatismo. Fica a letra e o vídeo da representação inglesa na primeira emissão da Mundovisão. Ler mais

John Lennon Forum - A Lennon Inspired Community

14 Rezas

Conforme tinha anunciado, decidi encerrar o John Lennon Forum, referência na web entre a comunidade beatlemaníaca como “o fórum” de John Lennon.

É verdade que já esperava algumas reacções dos membros mais activos da comunidade de utilizadores. Não esperava era que fossem assim! Não me restou outra hipótese… Tive que rever a minha decisão e apresentei esta proposta que está a ser bem aceite pelos membros.

Tenho estado a trabalhar no novo site, daí a minha ausência daqui. A coisa está bem encaminhada e clicando na foto podem ver melhor o aspecto que o novo site terá. Mais uns dias e voltará tudo ao normal.

Em Agosto de 2003 criei o John Lennon Forum. A ideia era criar um espaço onde os fãs de John Lennon e dos Beatles por esse mundo fora pudessem discutir entre si os tópicos que estiveram presentes ao longo da carreira de John Lennon, tanto nos Beatles como a solo.

Os 2 primeiros anos foram de uma actividade espectacular; consegui que o fórum cativasse membros de todo o mundo e promoveram-se discussões interessantíssimas sobre diversos temas.

De há 1 ano a esta parte as coisas arrefeceram por diversos motivos. Últimamente, o spam assinou a sentença final do fórum. Hoje comuniquei aos membros que encerrarei o fórum.

É um dia triste!

God is a concept

Deixar uma reza

“God is a concept,
By which we can measure,
Our pain”

O autor desta frase foi John Lennon. Faz hoje 26 anos que John Lennon foi assassinado à porta do edifício onde morava em Nova Iorque.

Ainda durante a sua carreira enquanto membro mais carismático dos Beatles, John Lennon dedicou-se à sensibilização e ao apelo à paz. Canções como “All you need is love” ou “Imagine” são um exemplo da obra de Lennon enquanto Beatle e a solo.

Em 1966, John Lennon afirmou que os Beatles eram mais populares que Jesus Cristo para as novas gerações no mundo ocidental. Essa afirmação foi logo utilizada pelos mais radicais cristãos norte americanos e valeu aos Beatles terem sido banidos de muitas rádios por toda a América do Norte. Foram ainda organizadas “queimas” públicas de discos, revistas, livros e material indiferenciado alusivo aos Beatles.

Em finais dos anos 60 e princípios da década de 70, John Lennon, já a residir nos Estados Unidos, foi perseguido pelo FBI devido ao seu envolvimento em campanhas contra a guerra do Vietnam. Recentemente, foi estreado um documentário -The US vs. John Lennon - sobre todo esse processo.

Foi assassinado aos 40 anos. Aquela velha máxima de que não há pessoas insubstituíveis parece não funcionar com o John…

E assim se passaram mais de dois meses sem colocar aqui um qualquer post. Foram dois meses bastante intensos na minha vida privada, daí este interregno.
Entretanto, já abriu a Cafetaria Trevo, que está a rolar de acordo com as expectativas; o site do Palpita-me foi completamente reconstruido, o que me obrigou a estudar um pouco mais a fundo este magnifico software de blogging, o Wordpress; mais um extenso trabalho de locução para multimedia já se encontra em fase final.
Decidi, finalmente, tentar tirar partido de algum know-how adquirido em termos de blogs e tentar rentabilizar através de AdSense alguns dos sites que administro. Para começar, já foram colocados anúncios no John Lennon Forum. Por ali, não espero grandes novidades até porque, irremediavelmente, o fórum está a perder alguma da dinâmica que já demonstrou anteriormente. Não sei se terá alguma coisa a ver com o facto de também me ter praticamente ausentado do fórum durante estas últimas semanas. De qualquer forma, irá servir para me familiarizar com o programa Google AdSense.

God, by John Lennon

2 Rezas

God is a concept,
By which we can measure,
Our pain,
I’ll say it again,
God is a concept,
By which we can measure,
Our pain,
I don’t believe in magic,
I don’t believe in I-ching,
I don’t believe in bible,
I don’t believe in tarot,
I don’t believe in Hitler,
I don’t believe in Jesus,
I don’t believe in Kennedy,
I don’t believe in Buddha,
I don’t believe in mantra,
I don’t believe in Gita,
I don’t believe in yoga,
I don’t believe in kings,
I don’t believe in Elvis,
I don’t believe in Zimmerman,
I don’t believe in Beatles,
I just believe in me,
Yoko and me,
And that’s reality.
The dream is over,
What can I say?
The dream is over,
Yesterday,
I was dreamweaver,
But now I’m reborn,
I was the walrus,
But now I’m John,
And so dear friends,
You just have to carry on,
The dream is over.

Imagine

1 Reza

This has been the poem that has shaped my personality since I was a young teenager. John Lennon played an important role in my personality development - for good and for bad.

If it wasn’t so hard for so many people to live by these standards the world would be a much better place.

Imagine

Imagine there’s no Heaven
It’s easy if you try
No hell below us
Above us only sky
Imagine all the people
Living for today

Imagine there’s no countries
It isn’t hard to do
Nothing to kill or die for
And no religion too
Imagine all the people
Living life in peace

You may say that I’m a dreamer
But I’m not the only one
I hope someday you’ll join us
And the world will be as one

Imagine no possessions
I wonder if you can
No need for greed or hunger
A brotherhood of man
Imagine all the people
Sharing all the world

You may say that I’m a dreamer
But I’m not the only one
I hope someday you’ll join us
And the world will live as one

Several years ago I tried my first blog. It was in portuguese and was, basically, a political blog. Then, the John Lennon Forum got all my attention in terms of internet time and the blog eventually died!

Late last year, I started a new blog (also in portuguese). For several reasons, I never gave it the attention it needed to really develop into a serious website. Now that I decided to blog again, I want to try it in english. It won’t be easy, but let’s just say that the audience is a bit larger.

Let’s blog, shall we?